Soja

  • Seguro Mapfre Granizo
    Seguro Mapfre Granizo de Soja
    Cobertura de perda de produção decorrente da morte de plantas e/ou por danos à área foliar das plantas, causadas por Granizo
     
    Garantia e Vigência
    O seguro garante ao produtor de Soja o pagamento de indenização se houver a perda de produção decorrente da morte de plantas e/ou por danos à área foliar das mesmas e perda de qualidade por dano direto ao fruto, perdas estas decorrentes exclusivamente de Granizo.
     
    A cobertura do seguro abrangerá, também, até o LMI da apólice, as despesas de salvamento comprovadamente efetuadas pelo segurado durante e/ou após a ocorrência de um sinistro; e os valores referentes aos danos materiais comprovadamente causados pelo segurado e/ou por terceiros na tentativa de evitar o sinistro, minorar o dano ou salvar a coisa.
     
    O seguro começa e termina às 24 horas das datas informadas na apólice. Para proposta com pagamento total ou parcial do prêmio, o início será a data da recepção da proposta pela seguradora; proposta não acompanhada de pagamento terá início após a aceitação da seguradora. O término de vigência dar-se-á na data da colheita. Caso a colheita da produção não seja realizada dentro do prazo estabelecido, o período de cobertura da cultura segurada não colhida será prorrogado até a data limite pré-estabelecida, correspondendo ao período máximo de cultivo aceitável pela seguradora, ou seja: 150 dias após plantio.
     
    O período de carência para a validade da cobertura será de 2 dias completos, contados do início de vigência do seguro. Esse período será prorrogado: para as lavouras transplantadas, até o transplante das plantas; para as lavouras não transplantadas, até que 60 % das plantas tenham emergido; para as lavouras contratadas após o plantio ou transplante, a carência será de 2 dias contados a partir do início de vigência do seguro, desde que 60% das plantas tenham emergido. 
     
    Limites da garantia
    O Limite Máximo de Indenização (LMI) representará o valor máximo a ser pago pela seguradora no caso de indenização integral da cultura segurada, resultante de determinado evento ou série de eventos ocorridos durante sua vigência.
     
    O LMI é definido pela fórmula: LMI = Área plantada (ha) X Produtividade Esperada informada (Kg/Ha) X Valor da Produção (R$/Kg).
     
    Na ocorrência de um ou mais sinistros de perda parcial por risco coberto, no cálculo da apuração da indenização, será descontado o valor da Franquia Dedutível, conforme o percentual estabelecido na apólice, fixada sobre o LMI, por talhão.
    O valor da franquia é calculado multiplicando-se o percentual desta, pelo LMI do talhão. Esse valor será deduzido do valor final do prejuízo aferido no talhão uma única vez, independente do número de sinistros ocorridos, e a seguradora indenizará ao segurado a importância excedente ao valor da franquia dedutível, se houver.
     
    Sinistro
    O segurado deverá obrigatória e imediatamente comunicar à seguradora, por meio do Aviso de Sinistro formal ou fonado  - pelo telefone 0800 775 1000 - qualquer evento que possa vir a se caracterizar como um sinistro indenizável ou não, contendo as informações que permitam caracterizar os prejuízos ocorridos e deverá tomar todas as providências que estiverem ao seu alcance, a fim de minorar as consequências do evento. O não cumprimento desses procedimentos acarretará ao segurado a perda do direito à indenização. Os sinistros ocorridos somente serão objeto de apreciação pela seguradora quando decorrerem de evento coberto e quando forem mantidas intactas as áreas atingidas pelo evento.
     
    Após o recebimento do Aviso de Sinistro de ocorrência de risco climático coberto sobre o bem segurado, a seguradora enviará peritos ao local sinistrado para a confirmação do evento e para efetuar a vistoria e a regulação de sinistro. Serão realizadas, ao menos, duas vistorias de sinistro: Vistoria Preliminar (constatação de evento) que se destina à verificação inicial dos efeitos do evento sobre o bem segurado. O vistoriador elaborará o laudo preliminar de inspeção de danos. Será também estimada a data de início de colheita para fins de agendamento da regulação do sinistro. Vistoria Final (regulação) que se destina à determinação do percentual de perda ocasionado ao bem segurado em função do evento previamente constatado. A regulação do sinistro será efetuada de acordo com as normas da seguradora para a cobertura em questão. Ao final, o perito elaborará o laudo final de inspeção de danos.  Não serão considerados para fins de classificação da categoria do fruto, os frutos que estiverem no chão, mesmo que a queda tenha sido gerada pelo evento coberto.
     
    As reclamações decorrentes de danos causados por uma mesma ocorrência e origem serão consideradas um único sinistro, independente da quantidade de reclamações, e a data do sinistro será aquela em que tiver sido produzido o primeiro dano.
     
    No caso de sinistro com consequente pagamento de indenização integral, a seguradora efetuará um único Laudo de Inspeção de Danos. No caso de sinistros com pagamento de indenização parcial, a seguradora efetuará, durante a fase de frutificação, um laudo preliminar de constatação da ocorrência do sinistro e da prévia quantificação dos danos e um laudo final para apuração percentual das perdas ocorridas decorrentes de evento coberto.  Em caso de sinistro durante a colheita, a perda será calculada sobre a produção restante, quando a Seguradora fará uma estimativa percentual de produção por amostragem do que falta colher da lavoura sinistrada.
     
    Apuração dos prejuízos
    Cumpridos os procedimentos de reconhecimento da área e comprovação do evento, a regulação do sinistro será efetuada de acordo com as normas da seguradora. Será identificado o estádio em que se encontra a cultura e serão realizadas amostragens para levantamento do dano direto aos frutos, da redução da população de plantas e danos de desfolhamento. Esta última será convertida em perda de produção, relacionando a perda física com a perda de produtividade. Em caso de sinistro durante a colheita, a perda será calculada sobre a produção restante, quando a seguradora fará uma estimativa de produção por amostragem do que faltar para ser colhido da lavoura sinistrada.
     
    O valor da ajuda de custo por hectare previsto na Cobertura Adicional Tratamento Fitossanitário será efetivado quando o percentual de danos diretos da Cobertura Básica situar-se entre 6% e 20% da área segurada na mesma gleba sinistrada.
     
    Indenização
    A indenização será calculada para cada talhão e somada para efeito do cálculo do valor total a indenizar. Não será aplicada a franquia dedutível apenas em casos de perda total na área total segurada na apólice.
     
    Será calculada segundo a fórmula: Indenização = [(Área da gleba sinistrada, em ha, em que houve morte de grande parte das plantas em decorrência de Granizo, ou seja, sem condução da lavoura até o fim do ciclo de produção X % de Gastos estimados, definidos de acordo com o estágio de desenvolvimento da planta + Área da gleba sinistrada, em ha, em que não houve morte das plantas em decorrência do Granizo, ou seja, com condução da lavoura até o fim do ciclo de produção, com potencial perda de produtividade esperada X Totalização dos danos diretos à planta em todas as suas estruturas, causados pelo Granizo, que forem apurados e quantificados percentualmente, descontados os Riscos não Cobertos) X  LMI total da gleba sinistrada, em R$ / Área total da gleba sinistrada. em ha] - Franquia Dedutível da gleba sinistrada, em percentual.  
     
    Na ocorrência de um ou mais sinistros na mesma unidade segurada, constatado em laudo por um perito da seguradora que a condução da lavoura na área sinistrada tornou-se inviável tecnicamente, as despesas previstas e não efetuadas até a data do sinistro serão deduzidas da indenização total, adotando-se os percentuais de gastos efetivos por cultura e estágio de desenvolvimento: até 30 dias: até 65%; de 31 a 120 dias: 85%; acima de 120 dias: 100%.
     
    A indenização a que o segurado terá direito, não poderá ultrapassar o valor do objeto ou do interesse segurado no momento do sinistro. Fixada a indenização devida e obedecendo-se o LMI definido na apólice, a seguradora pagará a importância a que estiver obrigada no prazo máximo de 30 dias contados a partir da entrega de todos os documentos necessários.
     
    Condições Gerais e/ou Especiais do seguro
    Esta é uma descrição resumida do seguro. O texto integral das Condições Gerais e/ou Especiais da apólice (Granizo – V.1.0 Processo SUSEP Nº 15414.900483/2013-82), da MAPFRE VERA CRUZ Seguradora S.A., que regulam direitos e obrigações do segurado e da seguradora, incluindo bens, riscos, circunstâncias ou eventos não segurados, serão enviadas aos proponentes no momento da contratação do seguro.  
    Solicite Formulário de Cotação
  • Seguro Mapfre Colheita Garantida
    Seguro Mapfre Colheita Garantida de Soja
    Cobertura para Queda de produtividade causada por Diversos Riscos Climáticos, Incêndio e Raio
     
    Garantia
    A Cobertura Básica do seguro garante indenização ao produtor de soja, se houver queda da produtividade da lavoura segurada, em consequência dos seguintes eventos climáticos: chuvas excessivas; geada; granizo; seca; tromba d’água; ventos fortes e ventos frios; e incêndio e raio; no montante correspondente à diferença entre a Produtividade Garantida Máxima e a Produtividade Obtida.
     
    O evento climático seca não será coberto em propriedades com predominância de mais de 70% de solos Tipo 1 (com areias quartzosas e solos aluviais arenosos), exceto para os Estados do Mato Grosso, Goiás, Bahia e parte norte do Mato Grosso do Sul.
     
    Pode ser contratada, opcionalmente, Cobertura Adicional para garantir indenização de prejuízos decorrentes de chuva excessiva, granizo e tromba d’água, que ocasionem não emergência e replantio de lavoura, provocando a inviabilidade técnica na continuidade de condução da cultura na área sinistrada, em um único evento por talhão.
     
    O produtor poderá indicar beneficiário e o percentual de indenização do seguro.
     
    Vigência
    O seguro começa e termina às 24 horas das datas informadas na apólice. O início será a data da recepção da proposta pela seguradora. O término será na data estimada para a colheita, no máximo 160 dias após o plantio.
     
    O início efetivo da Cobertura Básica ocorrerá em 6 dias após o início formal da apólice (período de carência). Caso o estado de desenvolvimento da cultura segurada não tenha atingido o mínimo de 15cm de altura em uma área superior a 70% da área correspondente à cultura segurada, o período de carência será prorrogado até que se cumpra esta condição.
     
    O início efetivo da Cobertura Adicional de Não Emergência e Replantio terá início em 6 dias após a semeadura; terminará quando as plantas tiverem atingido a altura máxima de 15 cm em uma área superior a 70% da área correspondente ao talhão.
     
    Limites da garantia
    O valor máximo a ser pago pela seguradora, pela apólice e/ou por talhão, resultante de uma ou série de ocorrências de evento coberto durante a vigência da apólice é o Limite Máximo de Indenização (LMI).
     
    Para a Cobertura Básica, o LMI será igual à Produtividade Esperada multiplicada pelo Nível de Cobertura Máximo, pelo Preço e pela Área, sendo:
    Produtividade Esperada - produtividade média da cultura, em sacas; Nível de Cobertura máximo - o percentual mais alto entre aqueles disponibilizados pela seguradora, escolhido na data da contratação do seguro; Preço - aquele do produto na data do preenchimento da proposta, em sacas; e Área - o total da área da cultura segurada, em hectares.
     
    O LMI da Cobertura Adicional de Não Emergência/Replantio será o valor indicado na apólice, por talhão, para os prejuízos decorrentes da não emergência da cultura ou, ainda, para os danos ocasionados à lavoura com plantas de até 15 cm de altura em mais de 70% da área do talhão segurado, se forem decorrentes de evento coberto.
     
    Se constatado que 20% ou mais da área segurada é constituída por solo Tipo 1 (arenoso, areia, quartzo  e/ou Tipo 2 (textura média), conforme definição do Zoneamento Agrícola do MAPA, será aplicada Franquia Dedutível de 20% e/ou 10%, respectivamente, sobre a Produtividade Garantida Máxima.
     
    Sinistro
    O produtor avisará a ocorrência do sinistro; tomará providências para minorar as consequências do evento; aguardará até 10 dias a chegada do perito da seguradora. A seguradora constatará o evento, apurará suas causas e consequências e levantará os prejuízos dele decorrentes; estimará a data de início de colheita para o agendamento da regulação e elaboração do laudo final. Sinistros ocorridos durante a colheita serão apreciados se forem mantidas intactas as áreas atingidas. Antes ou durante a colheita a seguradora realizará a vistoria final e elaborado o laudo de regulação (conclusão sobre o valor dos prejuízos a indenizar).
     
    Para a Cobertura Básica, o sinistro será considerado indenizável quando a produtividade média obtida na área total segurada for inferior à Produtividade Garantida máxima.
     
    Para a Cobertura de Não Emergência/Replantio, se não ocorrer a emergência das plantas ou quando ocorrerem danos na lavoura segurada, desde que as plantas tenham menos de 15 cm de altura em pelo menos 70% da área correspondente ao talhão.
     
    Indenizações
    O valor da indenização relativa à Cobertura Básica do seguro corresponderá à multiplicação do valor do seu LMI pelo Percentual do Prejuízo apurado, descontada a franquia cabível. O Percentual do Prejuízo, por sua vez, será calculado descontando-se de um, o coeficiente da divisão da Produtividade Obtida pela Produtividade Garantida Máxima; o resultado será multiplicado por 100%.
     
    O valor da indenização relativa à Cobertura de Não Emergência/Replantio corresponderá à divisão do LMI desta cobertura pela Área Segurada, multiplicado o resultado pela Área Sinistrada, após o que será descontada a franquia cabível.
     
    Condições Gerais e/ou Especiais do seguro
    Esta é uma descrição resumida do seguro. O texto integral das Condições Gerais e/ou Especiais da apólice, (Seguro Colheita Garantida, Processo SUSEP Nº 15414.002782/2004-69, da MAPFRE VERA CRUZ Seguradora S.A.), que regulam direitos e obrigações do segurado e da seguradora, incluindo bens, riscos, circunstâncias ou eventos não segurados, serão enviadas aos proponentes no momento da contratação do seguro.  
    Solicite Formulário de Cotação